Blog do Tunico

Continuo de olho também neste blog rumeno

Comentários pós-visita de Bush

Posted by tunico em março 10, 2007

Bush foi embora. Salvo as manifestações do pessoal do Jurassic Park da UNE e dos esquerdóides de sempre que aliás nem foram percebidas pelos americanos, a visita foi tranquila. São Paulo de quebra ganhou um banho de loja. Foi firmado um protocolo de intenções sobre o etanol que já era previsto. Mas o que vale são as intenções, certo? O Brasil apareceu na fita. Agora o mundo sabe que nós somos um país etílico. Não é só o nosso presidente.

Don´t you agree, Mr. Larry Rother?

Mas o que me incomodou e deve ter incomodado muita gente foi a irreverência anti-protocolar do Apedeuta pacau. Afinal, um presidente de um país se não tem educação refinada, deve pelo menos procurar manter as aparências.

Ele deve estar na andropausa e porisso deu para falar de sexo todas as vezes que tem oportunidade. Eu bem que queria saber qual seria o Ponto “G” da Rodada de Doha. Se alguém souber, me diga. Aliás, essa senhora a Dona Rodada, que deve morar em Doha, deve ser uma mulher muito sexy a ponto de Lula ter se encantado com ela. Lula deve mesmo ser muito íntimo de Bush como ele apregoa para sugerir que os dois devem encontrar seu Ponto”G”. Imaginem o que D. Marisa deve ter dito a Lula em casa depois do encontro. No mínimo pegou o pau de macarrão e como boa cidadã italiana deve ter chamado o pacau às falas. “Quem é essa zinha, seu malandro? Como é que você convida em público o Bush para uma bacanal?”

Enquanto isso, li que o Chapolim e o Gardelón em Buenos Aires se viraram para o Oriente numa tosca imitação do rito muçulmano que se vira para Meca para orar e junto com 30 mil “hermanitos” pediram ao Tabaréu para não se subjugar ao Bush. Tenho a certeza que ele não ouviu. São mais de 40 km de distância. Ninguém consegue gritar tão alto.

Uma resposta to “Comentários pós-visita de Bush”

  1. Marcos said

    Os politiquinhos choram por empregos (trabalho, que é bom, eles dispensam, querem ganhar sem trabalhar. De preferência nos sindicatos, com toda a cobertura das leis trabalhistas), reclamam da economia, querem aumento de salários e blá-blá-blá. De repente, independentemente do crápula que seja Bush, temos a oportunidade de fazer um bom negócio com os primos ricos, aí eles vêm às ruas depredar as propriedades brasileiras, de brasileiros, com uma massa de manobra semi ou analfabeta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: